jump to navigation

O Voo do dragão março 11, 2010

Posted by loscarrj in Mundo.
Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,
trackback

Carlos Ray Norris Jr., filho de uma irlandesa e de um índio cherokee, era uma criança fora de forma que apanhava na escola. Depois de adulto, campeão de karatê sete vezes consecutivas, virou Chuck Norris, astro do cinema de ação nas décadas de 70 e 80 e protagonista da série televisiva Walker, Texas Ranger de 1993 até 2001. Quase esquecido, Norris se tornou, involuntariamente, uma personalidade humorística da internet, retratado como uma espécie de deus superpoderoso nas piadas Chuck Norris Facts ou Verdades Sobre o Chuck Norris, que inspirou até uma propaganda de carros no Brasil.

As piadas são frases como “Quando Chuck Norris faz flexões, ele não levanta o próprio peso. Ele empurra o planeta” ou “Chuck Norris não dorme. Ele espera” ou “Chuck Norris contou até o infinito. Duas vezes”. Quem só conhece o ator por conta dessas hipérboles, esquece que, no papel que impulsionou sua fama em 1972, Norris apanhou para outro mestre, Bruce Lee, em uma das cenas de luta mais clássicas da história do cinema de artes marciais. Norris era Colt, vilão em O Voo do Dragão, uma comédia de ação dirigida pelo próprio Bruce Lee que se passa entre Hong Kong e Roma. O cenário da luta entre Lee e Norris é o Coliseu.

Na última quarta-feira (10), Chuck Norris completou 70 anos. Comemore assistindo a luta de O Voo do Dragão:

Copiado e colado descaradamente do Bombou na Web.

Comentários»

No comments yet — be the first.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: